Primeiro livro de Enoque - Capitulo 101

Exortação ao Temor de Deus: toda a Natureza teme, mas não os pecadores

1

Filhos de Deus! Observai o céu e cada uma das obras do Altíssimo! Temei-O e não façais nenhum mal em sua presença!

2

Se Ele fechar as janelas do céu e suspender o orvalho e a chuva, para que deixem de derramar-se sobre a terra por causa de vossos pecados, que havereis de fazer?

3

Se Ele mandar sua ira sobre vós, por causa das vossas obras, de nada adiantarão as súplicas.

4

Pois proferistes palavras de orgulho e arrogância contra a sua Justiça e por isso não tereis paz.

5

Não vedes como os marujos entram em pânico quando suas embarcações são batidas pelas ondas e sacudidas pelos ventos?

6

Apavoram-se porque levam consigo seus melhores pertences e assim ficam abalados no seu coração, pois o mar poderá tragar seus bens e fazê-los perecer junto com eles.

7

Por acaso o mar inteiro, com todas as suas águas e todos os seus movimentos, não é uma obra do Altíssimo?

8

Não foi Ele quem estabeleceu os limites de todas as suas atividades e que o cercou de areia por todos os lados?

9

A uma ameaça d'Ele, o mar estremece e seca, e morrem todos os seus peixes e tudo o mais que está no seu seio.

10

Mas vós, pecadores da terra, não O temeis.

11

Não foi Ele quem criou o céu, a terra e tudo o que esta contém?

12

Quem foi que deu o entendimento e a Sabedoria a todos aqueles que se movem na terra e no mar?

13

Por acaso os marujos não temem o mar?

14

Os pecadores, no entanto, não temem o Altíssimo.