Primeiro livro de Enoque - Capitulo 41

Segredos dos fenômenos da natureza e dos luminares

1

Depois disso eu vi os segredos do céu e do paraíso, de acordo com suas divisões, e das ações humanas enquanto eles pesavam-nas em balanças.

2

Vi as habitações dos eleitos e as habitações dos santos.

3

E ali meus olhos viram todos os pecadores que haviam negado o Senhor da glória e como eles foram expelidos dali, e arrastados para fora, como eles estiveram ali; nenhuma punição procedeu contra eles vinda do Senhor Deus.

4

Ali também meus olhos viram os segredos do raio e do trovão e os segredos dos ventos, como eles são distribuídos quando eles sopram sobre a terra: os segredos dos ventos, do orvalho, e das nuvens.

5

Ali eu vi o lugar de onde eles saem e tornam-se saturados com o pó da terra.

6

Ali eu vi câmaras fechadas de onde se origina a distribuição dos ventos, a câmara do granizo e a câmara da neve, a câmara das nuvens, e a própria nuvem, a qual continuava sobre a terra antes da criação do mundo.

7

Eu vi as câmaras do sol e da lua, e de onde eles saem e para onde voltam, o seu retorno magnífico, e como um tem precedência sobre a outra, a sua rota admirável, e como não transgridem o seu curso, não o aumentando nem diminuindo, e como guardam entre si a fidelidade e o juramento pelo qual se comprometeram.

8

Primeiramente avança o sol e segue o seu curso obedecendo à ordem do Senhor Deus; e grande é o seu Nome para sempre.

9

Depois eu vi o caminho oculto e o caminho visível da lua, que naquelas paragens segue o seu curso tanto de dia como de noite.

10

Na presença do Senhor Deus, eles se colocam um atrás do outro, agradecendo-O e louvando-O sem cessar; para eles o seu agradecimento é o descanso.

11

Pois o sol faz muitos giros, ou para a bênção ou para a maldição, e o caminho da lua é luz para os justos, mas trevas para os pecadores, em nome do Senhor, que separou a luz das trevas, dividiu os espíritos dos homens e fortaleceu os espíritos dos justos em nome da sua Justiça.

12

Nem um Anjo nem uma Potestade poderia impedir isso, pois foi Ele quem estabeleceu para eles todos um Juiz, que os julgará na sua presença.