Primeiro livro de Enoque - Capitulo 73

A Lua

1

Depois dessa lei, eu vi outra, referente ao luminar pequeno, que é a lua.

2

O alcance do seu giro é equivalente ao do céu; o carro sobre o qual ela anda é conduzido pelo vento e a luz lhe é proporcionada segundo medidas.

3

A cada mês alteram-se seu nascimento e seu acaso; seus dias são semelhantes ao dias solares, e quando sua lua é uniforme (lua cheia), comporta uma sétima parte da luz do sol.

4

E assim que ela se apresenta: sua primeira fase aparece no Oriente na trigésima manhã; nesse dia ela fica visível, e assim começa para vós a primeira fase da lua, no trigésimo dia, aparecendo juntamente com o sol, pelo mesmo portão.

5

Ela mostra então uma sétima parte de uma das suas metades (lua decrescente), e todo o restante do seu disco é vazio e sem luz, à exceção de um sétimo e um quarto de sétimo da metade da sua luz.

6

Quando ela recebe um sétimo da metade da sua luz.

7

Então a sua luminosidade comporta um sétimo e a metade de um sétimo.

8

Ela se põe juntamente com o sol; e quando o sol se levanta, levanta-se também a luz, e recebe a metade de uma das partes da luz.

9

E naquela noite, no início da sua manhã no princípio do seu período, ela põe-se juntamente com o sol, e na mesma noite ela fica invisível nas catorze partes e metade de uma (lua nova).

10

Naqueles dias, ela brilha com um sétimo do seu todo, levanta, principia a afastar-se do sol e nos dias restantes deixado brilharem as outras treze partes (lua crescente). As fases anuais da Lua