O livro de Jasar - Capitulo 20

Abraão vai para a terra dos filisteus

1

E naquele tempo, Abraão partiu da planície de Manre, e foi para a terra dos filisteus, e habitou em Gerar, no ano vinte e cinco de sua peregrinação na terra de Canaã, e no ano do centenário da vida de Abraão, ele veio para Gerar, na terra dos filisteus.

2

E quando eles entraram na terra, disse a Sara, sua mulher, diz que és minha irmã, a qualquer aquele que te perguntar, a fim de que possamos escapar do mal dos habitantes desta terra.

3

E, como Abraão estava habitando na terra dos filisteus, os servos de Abimeleque, rei dos filisteus, viram que Sarah era extremamente bonita, e perguntaram a Abraão sobre ela, e ele disse: Ela é minha irmã.

4

E os servos de Abimeleque vieram a Abimeleque, dizendo: Um homem da terra de Canaã veio para habitar na terra, e ele tem uma irmã que é extremamente bela.

5

E Abimeleque ouviu as palavras de seus servos que elogiavam Sara diante dele, e Abimeleque enviou seus oficiais, e eles trouxeram Sara ao rei.

6

E Sarah chegou à casa de Abimeleque, o rei viu que Sarah era linda, e ela lhe agradou de sobremaneira.

7

E ele se aproximou dela e disse-lhe: Quem é o homem com quem tu vieste para a nossa terra? E Sara respondeu, e disse; "é meu irmão, e nós viemos da terra de Canaã para morar onde quer encontrar um lugar".

8

E Abimeleque disse a Sara: Eis que a minha terra está diante de ti, coloca teu irmão em qualquer parte desta terra que te agrade, e ele será exaltado acima de todo o povo da terra, uma vez que ele é teu irmão.

9

E Abimeleque chamou a Abraão, e Abraão, veio a Abimeleque.

10

E Abimeleque disse a Abraão: Eis que tenho dado ordens para que tu sejas bem tratado como tu desejas, por conta da tua irmã, Sara.

11

E Abraão saiu do rei com presentes do rei.

12

E ao fim da tarde, antes dos homens se deitarem para descansar, o rei estava sentado em seu trono, e um profundo sono caiu sobre ele, e ele se deitou no trono e dormiu até de manhã.

13

E ele sonhou que um anjo do Senhor veio a ele com uma espada desembainhada em sua mão, e chegou o anjo sobre Abimeleque, e queria matá-lo com a espada, e o rei estava aterrorizado em seu sonho, e disse ao anjo: Em que pequei contra ti para que tu venhas a matar-me com a tua espada?

14

E o anjo respondeu e disse a Abimeleque: Eis que tu morres por causa da mulher que tu ontem à noite trouxeste para tua casa, porque ela é uma mulher casada, a esposa de Abraão, que veio a tua casa, pois agora devolve ao homem a sua esposa, pois ela é a sua mulher, e se tu não o fizeres, fica sabendo que certamente morrerás, tu e todos os pertencentes a ti.

15

E a noite, houve um grande clamor na terra dos filisteus, e os habitantes viram a figura de um homem de pé com uma espada desembainhada em sua mão, e feriu os habitantes da terra com a espada, e continuou a feri-los.

16

E o anjo do Senhor feriu toda a terra dos filisteu, e foi uma grande confusão na noite e na manhã seguinte.

17

E cada útero estava fechado, e todos os seus órgãos, e a mão do Senhor estava sobre ele por causa de Sara, mulher de Abraão, a quem Abimeleque haviam tomado.

18

E de manhã, Abimeleque levantou-se com terror e confusão e com um grande temor, e ele chamou seus servos, e ele relatou seu sonho a eles, e as pessoas ficaram com muito medo.

19

E um homem de pé entre os servos do rei, respondeu ao rei, dizendo: Ó rei soberano, restaura esta mulher ao seu marido, pois ele é seu marido, assim aconteceu com o rei do Egito, quando este homem veio para o Egito.

20

E ele disse a respeito de sua esposa, minha irmã é, pois essa é a sua maneira de fazer quando ele vem morar numa terra em que ele é um estranho.

21

E enviou Faraó, e tomou esta mulher para sua mulher e o Senhor trouxe sobre ele graves pragas até que ele devolvesse a mulher ao marido.

22

Agora, pois, ó soberano rei, sabe que o que aconteceu ontem à noite por toda a terra, pois houve uma grande consternação e grande dor e lamentação, foi por conta da mulher que tu tomaste.

23

Restaura esta mulher ao seu marido, para que não se abata sobre nós como se fez a Faraó, rei do Egito, e seus súditos, e que não venhamos todos a morrer; e apressou-se Abimeleque e chamou Sara e Abraão diante dele.

24

E Abimeleque disse a eles, que é este trabalho que me fizeram, dizendo que vocês são irmãos, e eu tomei essa mulher para minha mulher?

25

Respondeu Abraão: Porque eu pensei que eu morreria por causa da minha mulher, e Então tomou Abimeleque ovelhas e vacas, e servos dos homens e servos e servas, e mil peças de prata, e ele deu a Abraão, e ele devolveu Sara para ele.

26

E Abimeleque disse a Abraão: Eis que toda a terra está diante de ti, habita nela onde quer que tu escolhas.

27

E Abraão e Sara sua esposa, saíram da presença do rei com honra e respeito, e ficaram na terra, em Gerar.

28

E todos os habitantes da terra dos filisteus e servos do rei ainda estavam com dor, através da praga que o anjo havia infligido sobre eles à noite toda por conta de Sara.

29

E Abimeleque falou a Abraão, dizendo: Ore agora por teus servos, para que o Senhor teu Deus cesse esta mortalidade de entre nós.

30

E Abraão orou por Abimeleque e seus súditos, e o Senhor ouviu a oração de Abraão, e ele curou Abimeleque e todos os seus súditos.