O livro de Jasar - Capitulo 59

A posteridade de Jacó no Egito

1

E estes são os nomes dos filhos de Israel que habitaram no Egipto, que tinham vindo com Jacó, todos os filhos de Jacó que vieram ao Egipto, cada homem com seu agregado familiar.

2

Filhos de Léa foram Rúben, Simeão, Levi, Judá, Issachar e Zebulom e sua irmã Dinah.

3

E foram os filhos de Raquel, José e Benjamin.

4

E foram os filhos de Zilpa, a serva de Léa, Gade e Aser.

5

E os filhos de Bila, a serva de Raquel, foram Dan e Naftali.

6

E estes foram seus descendentes que nasceram na em Canaan, antes deles virem ao Egipto com seu pai Jacó.

7

Filhos de Rúben foram Chanoch, Pallu, Chetzron e Carmi.

8

E os filhos de Simeão foram Yemuel, Yamin, Ohad, Yachin, Zochar e Shaul, filho da mulher Cananéia.

9

E os filhos de Levi foram Gershon, Kehath e Merari e sua irmã Yoquebede, que nasceu em sua ida ao Egipto.

10

E os filhos de Judá foram Er, Onã, Shelá, Perez e Zarach.

11

E Er e Onã morreram na terra de Canaan; e os filhos de Perez foram Chezron e Chamul.

12

E os filhos de Issacar foram Tola, Puvah, Iyyov (Jó) e Shomron.

13

E os filhos de Zebulom foram Sered, Elon e Yachleel, e o filho de Dan foi Chushim.

14

E os filhos de Naftali foram Yachzeel, Guni, Yetzer e Shilam.

15

E os filhos de Gad foram Ziphion, Chaggi, Shuni, Ezbon, Eri, Arodi e Areli.

16

E os filhos de Asher foram Yimnah, Yishvah, Yishvi, Beriah e sua irmã Serach; e os filhos de Beriah foram Cheber e Malchiel.

17

E os filhos de Benjamim foram Bela, Becher, Ashbel, Gera, Naamã, Achi, Rosh, Mupim, Chupim e Ord.

18

E os filhos de José, que nasceram-lhe no Egipto, eram Manasseh e Efraim.

19

E todas as almas que saíram de lombos de Jacó foram setenta almas; Estas são as que vieram com Jacó seu pai até o Egipto para morar lá, e José e todos os seus irmãos habitaram com segurança no Egipto, e eles comeram do melhor do Egipto todos os dias da vida de José.

20

E José viveu na terra do Egipto noventa e três anos, e José reinou sobre todo Egipto oitenta anos.

21

E quando os dias de José estavam terminados e estava prestes a morrer, ele chamou por seus irmãos e toda casa de seu pai, e todos eles vieram juntos e sentaram-se diante dele.

22

E José disse a seus irmãos e a toda a casa de seu pai: Eis que eu morrerei, e Deus certamente irá visitá-los, e vos levará à terra que ele jurou a seus pais para dar-lhes.

23

E quando Deus os visitar para vos levar daqui a terra de seus pais, então levem meus ossos com vocês daqui.

24

E José fez os filhos de Israel jurarem à sua semente depois dele, dizendo: Deus vai certamente visitá-los, e vocês devem levar meus ossos com vocês daqui.

25

E aconteceu que José morreu, nesse mesmo ano, o ano setenta e um da vinda dos Israelitas ao Egipto.

26

E José tinha cento e dez anos de idade quando morreu na terra do Egipto e todos seus irmãos e todos os seus servos embalsamaram José, como era seu costume, e seus irmãos e todo o Egipto choraram por ele sete dias.

27

E eles colocaram José em um caixão cheio de especiarias e todo tipo de perfume, e enterrou ele ao lado do rio, que é Sihor e seus filhos e todos os seus irmãos e toda a casa de seu pai fizeram luto por ele de sete dias.

28

E aconteceu da morte de José, que todos os egípcios começaram naqueles dias a criar regras sobre os filhos de Israel e o faraó, rei de Mitzraim (Egipto), que reinou no lugar de seu pai, tomou todas as leis do Egipto e conduziu todo o governo do Egipto sob o seu conselho, e ele reinou com segurança sobre o seu povo.